Empório Vila Germânica recebeu 1.557 ônibus em 2015

Se, para muitos setores, 2015 foi um ano de queda ou estagnação, no Empório Vila Germânica os índices são pra lá de positivos. O complexo de 25 lojas localizado no Parque Vila Germânica, em Blumenau (SC), registrou aumento no número de turistas e na movimentação dos pontos comerciais. Só no levantamento de ônibus, foram 1.557 veículos que visitaram a estrutura, 2,7% a mais do que em 2014.

Vanessa Zanetti, executiva do Empório, destaca que o número positivo é comemorado pelos lojistas. “Num ano em que o tempo chuvoso e a economia instável fez com que muita gente reduzisse os gastos com os passeios, termos crescido é, sem dúvidas, uma conquista”, comenta.

Outro ponto importante, de acordo com ela, é o crescimento na movimentação de carros de passeio. “Não fazemos o levantamento deste tipo de veículo, mas é só dar uma passada em frente à Vila e reparar nas placas dos carros e na movimentação nas lojas e restaurantes que é possível perceber que o turista está chegando também sem as tradicionais excursões”, acrescenta.

Tradicionalmente, o mês de julho apresenta um número considerável de ônibus por conta das férias escolares e também dos visitantes latino americanos – Chile e Argentina lideram a lista de países de onde vêm os turistas. Mas este ano o número foi histórico: foram 265 ônibus, enquanto em 2014 o número foi de 146.

Os trabalhos do Empório Vila Germânica este ano serão na expectativa de manter os números, mas é possível que eles cresçam. “Vemos os dois lados da recessão vivida pelo país: enquanto alguns podem deixar de viajar a passeio, outros podem optar por destinos nacionais e acabar se encantando pelo Vale Europeu”, finaliza.

Lojistas sentem aumento nas vendas
Embora não sejam catalogados como os ônibus, os carros que chegam à Vila Germânica também refletem nos números dos lojistas. E, segundo eles, o crescimento neste tipo de movimentação é ainda maior.

Clélia Inês Salva, da Butike do Turista, afirma que o faturamento em 2015 cresceu cerca de 20%, especialmente pelos visitantes que chegam de carro. “Além de gastarem mais, essas pessoas ficam mais tempo conosco. Enquanto nos ônibus há um roteiro para ser seguido e geralmente um horário mais rígido, o cliente não tem tanto tempo para escolher quanto quem vem sozinho”, comenta.

Também foi de cerca de 20% o aumento no faturamento do Empório São Jorge, que comercializa produtos artesanais e regionais. Eduardo Evers diz que esse percentual é justificado pela melhora no mix que ocorreu no ano passado e também pelo aumento no número de turistas que chegam de carro. “Esse cliente tem mais facilidade na hora de levar as suas compras – já que não depende das acomodações de avião e ônibus – e já representa cerca de 30% do faturamento da loja”, afirma.

Anúncios